Currently viewing the tag: "Business strategy"

(Texto em Português depois deste)

When we speak!

When we talk about design thinking we talk about an integrated approach to problem solving, using collaboration, creativity, divergent thinking, visualization and prototyping.

When we talk about open innovation we think that businesses need more design features developed to manage innovation through their organizational boundaries.

Design thinking can cover a range of innovative activities originating from external sources suggested by the open innovation model, where the absorptive capacity of knowledge is important for the transfer of technology, but we also need to manage resources related to human connections.

The role of design thinking assumes greater importance when we realize the need to apply different approaches to open innovation according to the contexts and dimensions of organizations.

Open innovation requires companies to interact on a task of innovation and the ability to do this depends on the efforts to design organizations.

The ability of the design is important for the practice of open innovation strategies because of the importance of these interconnections.

One can see that from many different points of view of strategy, design thinking can play an important role and that design expertise can help:

– For the design and creation of high value products.

– In the construction of product differentiation and building customer intimacy;

– As an integrator and mediator between professional fields and disciplines, both within the organization (marketing, production) and external (suppliers, distributors, partners).

– As a resource of tacit knowledge difficult to imitate.

– At the draft, communication and strengthening of the internal culture of the organization.

– To explore the uncertainty and resolve conflicts through prototype development and visualization;

– To stimulate creativity, and providing new perspectives in the strategy.

But above all the design thinking can inform the formulation of strategy.

Idris Mootee lets here his perspective:

Innovation & Design Thinking

Give me yours!

 

Pensar design e a estratégia  Inovação Aberta

Quando falamos!

Quando falamos em pensar design falamos de uma abordagem integrada para a resolução de problemas, usando a colaboração, criatividade, pensamento divergente, visualização e prototipagem.

Quando falamos em inovação aberta pensamos que as empresas precisam de mais recursos de design desenvolvidos para gerir a inovação através dos seus limites organizacionais.

O pensar design permite abranger um leque de actividades inovadoras com origem em fontes externas sugeridas pelo modelo de inovação aberta, onde a capacidade de absorção de conhecimento é importante para a transferência de tecnologia, mas também é necessário gerir os recursos ligados às conexões humanas.

O papel de pensar design assume maior importância quando constatamos a necessidade de aplicar abordagens diferenciadas de inovação aberta de acordo com os contextos e dimensões das organizações.

A inovação aberta exige que as empresas interajam numa tarefa de inovação e a capacidade de fazer isso depende dos esforços de concepção das organizações.

A capacidade do design é importante para a prática de estratégias de inovação aberta por causa da importância das interligações referidas.

Pode-se ver que, de muitos dos diferentes pontos de vista de estratégia, o pensar design pode desempenhar um papel importante e que os conhecimentos de design podem contribuir:

– Para a concepção e criação de produtos de alto valor.

– Na construção de diferenciação de produto e na criação de intimidade com o cliente;

– Como um integrador e mediador entre domínios profissionais e disciplinares, tanto no âmbito interno da organização (marketing, produção) como externo (fornecedores, distribuidores, parceiros).

– Como um recurso de conhecimento tácito difícil de imitar.

– Na elaboração, comunicação e reforço a cultura interna da organização.

– Para explorar a incerteza e resolver conflitos, através do desenvolvimento de protótipos e de visualização;

– Para estimular a criatividade e fornecendo novas perspectivas no contexto da estratégia.

Mas acima de tudo o pensar design pode informar a formulação da estratégia.

Idris Mootee deixa aqui a sua perspectiva:

(Ver slideshare)

Dê-me a sua!